Goiás

DPCA prende homem suspeito de abusar de duas irmãs de 15 e 3 anos de idade

Publicado

em


A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Goiânia, nesta terça-feira (22), no bojo da Operação Acalento, efetuou o cumprimento de mandado de prisão preventiva expedido contra um indivíduo de 41 anos de idade, em razão da prática dos crimes de estupro contra uma menor de 15 anos e estupro de vulnerável contra uma menor de 3 anos. As vítimas são irmãs.

Os crimes ocorreram entre os meses de março e abril de 2021, no Jardim Ana Lúcia, nesta capital. A mãe das menores narrou à DPCA que se relacionou com o autor por apenas três meses, sendo que, em uma noite, ouviu barulhos estranhos vindos do quarto da filha mais velha, escutando gemidos e ameaças por parte do autor, dizendo: “se contar para a sua mãe, você vai ver”. Após esses fatos, a mãe ainda presenciou o autor passando a mão na genitália de sua filha de apenas 3 anos. A filha maior não quis contar o que ocorreu no quarto naquela noite, mas depois da insistência da mãe, declarou que o autor a obrigou a manter relação sexual mediante ameaça por várias vezes.

As penas somadas para os crimes, caso o autor seja condenado, chegam a 27 anos de reclusão. A autoridade policial da DPCA representou pela expedição de mandado de prisão preventiva do investigado, que, após diligências, foi localizado pela Polícia Civil, encontrando-se agora à disposição do Poder Judiciário.

Comentários do Facebook
READ  Projeto Cidade da Polícia
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NORTE

NORDESTE

CENTRO-OESTE

SUDESTE

SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA