Goiás

Polícia Civil lança Projeto “Identidade Cidadã”

Publicado

em

A delegada Caroline Paim, chefe da Gerência de Identificação da Polícia Civil de Goiás, participou hoje (23/6), ao lado do diretor-geral de Administração Penitenciária, Josimar Pires, do lançamento do Projeto “Identidade Cidadã”, um projeto social que visa criar direitos sociais aos reeducandos oportunizando a benefícios diversos.

O referido projeto tem como objetivo fornecer documento básico aos privados de liberdade, assim como certidão de nascimento, identidade e regularização do CPF, garantindo assim, a cidadania e melhor reintegração ao convívio da sociedade. A estimativa é de que cerca de 300 RGs sejam expedidos com o projeto.

As emissões de RG são realizadas em Goiás em parceria com a Gerência de Identificação da Polícia Civil, que vai até as unidades prisionais para realizar os procedimentos necessários para a emissão do documento de identidade para os presos. Através do acesso aos documentos pessoais com foto, é possível ao preso conseguir matricular na educação básica, em cursos profissionalizantes, exames nacionais, como também conseguir um emprego junto as empresas parceiras do sistema prisional, bem como a abertura de conta nos bancos, onde será depositado sua parcela de pagamento do trabalho realizado. “É uma iniciativa maravilhosa. O documento de identidade dá dignidade à pessoa. É direito do reeducando e dos familiares. O documento o ajuda a ser reinserido no meio social, inclusive no trabalho”, declarou a delegada Paim no evento.

Estiveram presentes no evento a delegada Caroline Paim, chefe da Gerência de Identificação; Josimar Pires, policial penal e Diretor-Geral de Administração Penitenciária; Firmino José Alves, Diretor Adjunto; Maysa Nayanny Gomes de Oliveira Amorosino, Coordenadora do Núcleo de Defensorias Especializadas em Execução Penal, representando a Defensoria Pública; Roberto Lourenço, policial penal coordenador da 1ª regional; Leopoldo de Castro Coelho, policial penal Superintendente de Segurança; Rafaella Maria Ferreira e Silva, Vice-presidente da comissão especial de execução penal – representando a OAB/GO e Berenice Genito, presidente do Conselho da Comunidade de Aparecida de Goiânia.

READ  Polícia Civil prende em flagrante homem que tentou matar sua companheira com facada na região do coração

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NORTE

NORDESTE

CENTRO-OESTE

SUDESTE

SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA