São Paulo

Polícia Civil prende 17 pessoas após flagrar descarte irregular de resíduos na zona leste de SP

Publicado

em


A Polícia Civil, por meio do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC), prendeu 17 pessoas após flagrar, na manhã desta segunda-feira (29), o descarte irregular de resíduos sólidos em áreas de Mata Atlântica e manancial, localizadas na zona leste de São Paulo.

Os flagrantes foram realizados por agentes da 1ª Delegacia de Investigações de Infrações contra o Meio Ambiente (DIIMA), durante a operação permanente “Resíduos”, deflagrada para combater o transporte e descarte ilegal de substâncias que podem prejudicar áreas ambientais.

Para as atividades de hoje, foram mobilizados 40 policiais civis, 20 viaturas e drones para a captação de imagens, sendo o primeiro flagrante realizado na Estrada Santo André Avelino, no Parque São Rafael. No local, 14 caminhões e uma retroescavadeira foram surpreendidos despejando resíduos.

O segundo flagrante ocorreu na área da Adutora Rio Claro, no Jardim São Francisco, onde dois caminhões e uma retroescavadeira foram encontrados em operação de descarte de resíduos e nivelamento do terreno. Outras duas retroescavadeiras também foram localizadas no local.

Os caminhões e máquinas foram apreendidos e 17 pessoas presas em flagrante. Elas vão responder por crime ambiental, com base no artigo 54: causar poluição de qualquer natureza em níveis tais que resultem ou possam resultar em danos à saúde humana, ou que provoquem a mortandade de animais ou a destruição significativa da flora.

Foram solicitados exames periciais aos dois locais e as investigações prosseguem, inclusive para apurar a devastação de uma a área que soma 400 mil m², onde foi verificado o corte de árvores.

Comentários do Facebook
READ  GOE de Santo André realiza operação para combater crimes violentos e contra o patrimônio
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NORTE

NORDESTE

CENTRO-OESTE

SUDESTE

SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA