Espírito Santo

Polícia Civil prende ex-vereador de Vila Valério investigado por duplo homicídio cometido em 2018

Publicado

em


A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de São Gabriel da Palha cumpriu, na última sexta-feira (10), um mandado de prisão preventiva em desfavor de um homem de 38 anos, ex-vereador de Vila Valério e ex-secretário de Infraestrutura do município. Ele é suspeito de cometer um duplo homicídio no dia 31 de outubro de 2018, no Córrego Parajú, zona rural de Vila Valério. Além desse crime, ele responde por outro homicídio, ocorrido em 2019, em São Gabriel da Palha.

Os dois casos foram investigados pela Delegacia de Polícia de São Gabriel da Palha. Foi durante diligências do crime cometido em 2019 que o duplo homicídio de 2018 acabou sendo elucidado. “Na época, nossas investigações apontavam que ele poderia estar envolvido no homicídio ocorrido em São Gabriel da Palha. Coletamos seu depoimento e acabamos apreendendo uma pistola que ele tinha. Ao cruzar informações dos dois inquéritos, vimos que a arma e a compleição física do investigado batiam com a descrição dada por testemunhas do crime em Vila Valério. Solicitei o laudo de comparação balística, que deu positivo: a arma entregue pelo ex-vereador, em 2019, tinha sido usada no duplo homicídio em 2018”, relatou o titular da DP de São Gabriel da Palha, delegado Rafael Caliman.

Ainda em 2019, o delegado representou pela prisão preventiva do investigado, pelo homicídio de São Gabriel da Palha. A ordem de prisão foi expedida pelo Poder Judiciário, mas nunca foi cumprida. O suspeito obteve, na Justiça, o direito de responder em liberdade, com a obrigatoriedade de se apresentar, mensalmente, no Fórum da cidade. 

Com o aprofundamento das investigações, o delegado representou, novamente, pela prisão preventiva do suspeito, desta vez pelo duplo homicídio ocorrido em Vila Valério, em 2018. Na última sexta-feira (10), ao comparecer no Fórum, o homemfoi abordado por policiais civis de São Gabriel da Palha e recebeu voz de prisão. 

READ  Polícia Civil prende condenado por estupro de vulnerável em Areia

Os dois inquéritos já foram concluídos e remetidos ao Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), que ofereceu denúncia nos dois casos. A investigação não concluiu se houve relação entre os dois crimes, e a motivação não foi esclarecida. O detido foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de São Mateus (CDPSM), ficando à disposição da Justiça.

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna – (27) 3137-9024
[email protected]


Atendimento à Imprensa:
Matheus Zardini
(27) 3636-9928 / (27) 99297-8693
[email protected] 

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NORTE

NORDESTE

CENTRO-OESTE

SUDESTE

SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA