Goiás

Suspeito de estupros, que agia na zona rural de Aporé, é preso pela PCGO

Publicado

em


A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Itajá, com apoio da Polícia Militar, por meio do Batalhão Rural de Chapadão do Céu, prendeu nessa quinta-feira (06), um indivíduo acusado de ter estuprado e engravidado a própria enteada, durante mais de cinco anos. O crime ocorreu na zona rural do município de Aporé.

A vítima, de forma disfarçada, enviou uma foto para sua irmã, via aplicativo de rede social, com um X na mão escrito de batom vermelho (sinal de violência doméstica). A irmã da vítima então registrou um boletim de ocorrência. Com o objetivo de averiguar a denúncia, foi montada uma força-tarefa entre PC e PM. No local da denúncia, a vítima relatou que, na noite anterior, havia sido estuprada por seu padrasto e que tal fato acontecia há anos, inclusive resultando no nascimento de uma criança que foi registrada pelo próprio padrasto. O acusado agia sempre com o mesmo modus operandi: esperava a vítima ficar sozinha para praticar o estupro e depois a ameaçava, caso contasse para alguém, que ela nunca mais veria o filho.

Na mesma oportunidade, foi descoberto ainda que o acusado abusou, no ano de 2021, entre os meses de janeiro a junho, da filha de sua outra enteada, irmã da vítima, de apenas 8 anos de idade, enquanto esta passava um período na fazenda onde o investigado morava. Após os procedimentos legais, o investigado foi levado para o presídio.

Comentários do Facebook
READ  PCGO visita PCSP e conhece “flagrante virtual”
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NORTE

NORDESTE

CENTRO-OESTE

SUDESTE

SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA