Goiás

Grupo de Repressão a Estupros cumpre mandado em desfavor de estuprador em série preso no MT

Publicado

em

A Polícia Civil de Goiás, por meio Grupo Estadual de Repressão a Estupros (Gere), cumpriu, na semana passada, o quarto mandado de prisão em desfavor de Célio Roberto Rodrigues, suspeito de estupros em Goiás e no Mato Grosso, onde já se encontra preso. O homem já havia sido alvo de outras três prisões relativas à investigações do grupo especializado, por crimes sexuais ocorridos entre 2012 e 2015. A identificação do suspeito foi possível graças ao confronto de perfil genético.

De acordo com as investigações, entre os anos de 2012 e 2015, várias mulheres foram violentadas nos estados do Amazonas, Mato Grosso, Rondônia e Goiás. O agressor tinha o costume de agir sempre da mesma maneira e mudava constantemente de cidade. Em 2015, o criminoso foi preso em Rondônia após cometer roubos e um estupro.

O material biológico dele foi coletado e seu perfil foi comparado com outros casos investigados no estado vizinho de Mato Grosso. A comparação imediatamente confirmou o envolvimento do suspeito em quatro estupros.

Quando os perfis genéticos dos vestígios foram enviados para o Banco Nacional, novas compatibilidades foram encontradas com três perfis inseridos pelo banco de dados do estado do Amazonas. Em fevereiro de 2018, analisando amostras coletadas de duas vítimas de estupros na cidade de Goiânia, o laboratório de DNA de Goiás obteve dois perfis genéticos semelhantes. Atualmente, o estuprador em série está sendo investigado por abuso sexual de mais de 50 vítimas.

Comentários do Facebook
READ  Rachadinha: Polícia Civil indicia vereadores de Goiatuba por suposto desvio de cerca de R$ 250 mil dos cofres públicos
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NORTE

NORDESTE

CENTRO-OESTE

SUDESTE

SUL

MAIS LIDAS DA SEMANA